sábado, 21 de junho de 2008

"CACHAÇA NÃO É ÁGUA, NÃO!"

O artigo “Cachaça não é água, não!”, escrito pelo jornalista Sandro B. André de Curitiba e publicado dia 31/03 é como uma gota que cai no oceano. Poderia passar despercebida por um leitor que desconhece os malefícios do álcool. Mas jamais por quem trás no corpo e na alma as agressões física e moral sofrida por um alcoólatra. A bebida alcoólica é uma droga legalizada, e de fácil acesso devido ao baixo custo. As autoridades competentes precisam tomar uma atitude com urgência, para proteger as crianças, adolescentes e jovens para que não tenhamos em breve uma epidemia de jovens viciados. Estampar nas garrafas e latinhas fotos de acidentes e depoimento de pessoas que conviveram ou convivem com alcoólatras, poderia salvar algumas pessoas. Por motivos particulares ou vergonha mesmo os agressores não são denunciados e continuam na sociedade fazendo novas vitimas. Todos os dias aparecem nos noticiários astros e estrelas envolvidos com alcoolismo, mas as pessoas anônimas vivem seus dramas particulares, sem ter para quem pedir socorro. Vergonha não ajuda resolver o problema. Precisamos de ação e cobrar das autoridades é o primeiro passo. Álcool não é água de coco. É uma droga que desgraça a vida de quem bebe, traumatiza as pessoas que convivem e cria problemas para pessoas que nada tem a ver com os problemas de quem envereda por este caminho que nem sempre tem volta. Maryah Cydah Abrantes Martiniano Ferreira Autora Matéria publica no Jornal Diário da Região. www.diariowel.com.br

0 Comentários:

Postar um comentário

Comente as matérias,textos e fotos sempre fazendo uso de senso critico, embasado no respeito mutuo.

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial